Sites Grátis no Comunidades.net
Crie seu próprio Site Grátis! Templates em HTML5 e Flash, Galerias em 2D e 3D, Widgets, Publicação do Site e muito mais!

Esperança com Deus.



Total de visitas: 68797
DISCÍPULO FIÉL

DISCÍPULO FIÉL

Introdução

Uma coisa é sermos aceitos por Deus. Uma história totalmente diferente é sermos APROVADOS por Deus. O Livro de Apocalipse fala sobre o triunfo do Cordeiro de Deus. Lemos, no entanto, que o Cordeiro possui um exército de discípulos através dos quais Ele trava as suas batalhas e as vence, Estes discípulos são (1) chamados, (2) escolhidos e (3) fiéis. “...O Cordeiro é Senhor de senhores e Rei de reis, e os que estão com Ele são chamados, escolhidos e fiéis” (Ap. 17:14).
Muitos são chamados, poucos são escolhidos, e menos ainda são fiéis. Os fiéis são os vencedores citados dez vezes no Livro de Apocalipse. Eles são os discípulos de Jesus que não somente foram aceitos por Deus, mas que também foram provados por Ele através de muitas circunstâncias e também aprovados por Ele. Você se chama FIÉL. Houve muitos que creram em Jesus quando Ele se encontrava na terra, foi o grupo das multidões. “E grandes multidões O seguiram...” (Mt. 19:2). Mais tarde disseram o seguinte sobre este grupo: “Desde então muitos dos Seus discípulos voltaram para trás e não andavam mais com Ele” (Jô 6:66). O segundo grupo era menor. Havia setenta pessoas neste grupo com um ministério especial às setenta nações gentias (ver Gênesis 10).
“Depois destas coisas o Senhor designou ainda outros setenta” (Lc. 10:1).
O terceiro grupo consistia de doze homens. “E aconteceu naqueles dias que Ele subiu a uma montanha para orar, e passou a noite toda em oração a Deus. E quando já era dia, chamou a Si os Seus discípulos, e escolheu doze deles, a quem também deu o nome de apóstolos” (Lc. 6:12,13). Este são os vencedores. Muitos não estão mais conosco porque não eram fiéis. Mas Deus nesta noite quer mudar seu nome, você será chamado de FIÉL. Os fiéis são aqueles que são aprovados por Deus.


I. COMO GANHAR A APROVAÇÃO POR DEUS
1. Busque O Bem Dos Outros
Jesus sabia que a grande maioria dos que acreditavam n’Ele faziam isto por motivos egoísticos. Eles O procuravam somente para obterem bênçãos pessoais. Os seus pecados haviam sido perdoados, mas não desejavam ser vencedores. Para sermos vencedores precisamos desejar ardentemente ser libertos de buscarmos o nosso próprio bem às custas dos outros.
2. Passe Nos Testes De Deus
Quando Gideão reuniu um exército para lutar contra os inimigos de Israel, ele tinha consigo 32.000 homens. Deus, no entanto, sabia que nem todos eles eram dedicados de todo o coração. Assim sendo, Deus reduziu este número. Primeiramente, os medrosos foram mandados para casa.
Contudo, restaram ainda 10.000 homens, os quais foram levados ao rio e provados. Somente 300 passaram no teste e foram aprovados por Deus (Jz. 7:1-8).
A maneira pela qual aqueles 10.000 homens beberam água do rio para aliviar a sua sede foi um meio que Deus usou para determinar quem se qualificava para se alistar no exército de Gideão. Eles mal sabiam que estavam sendo provados.
Nove mil e setecentos homens se esqueceram completamente do inimigo, enquanto estavam ajoelhados para satisfazerem a sua sede. Somente 300 deles permaneceram de pé, alertas, bebendo a água com as mãos formando uma concha.
São nas coisas simples da vida que Deus nos prova – em nossas atitudes com relação ao dinheiro, aos prazeres, à honra dos homens, ao conforto, etc. Semelhantemente ao exército de Gideão, quando as circunstâncias arranjadas por Deus vêm sobre nós não percebemos que Deus está nos provando, para ver como reagiremos.
3. Não Seja Distraído Pelo Mundo
Jesus nos admoestou a não ficarmos oprimidos com os cuidados deste mundo. Ele disse: “Vigiai para que os vossos corações não fiquem sobrecarregados com a glutonaria, embriagues, e os cuidados da vida, vindo sobre vós repentinamente aqueles dia como uma armadilha” (Lc. 21:34). Paulo exortou os cristãos de Corinto, dizendo: “De agora em diante também os que têm esposas deveriam ser como se as não tivessem; e os que choram, como se não chorassem, e os que se alegram, como se não se alegrassem; E os que compram, como se não possuíssem, e os que usam o mundo, como se não estivessem utilizando-o completamente, pois a fama deste mundo está acabando... Digo isto para assegurar a vossa devoção ao Senhor sem distração alguma” (1 Co 7:29-35).
Não devemos permitir que nada deste mundo nos distraia de uma total devoção ao Senhor. As coisas legítimas do mundo são uma armadilha mais perigosa do que as coisas pecaminosas – porque as coisas legítima parecem tão inocentes e inofensivas! Nós podemos aliviar a nossa sede – mas precisamos juntar as nossas mãos em forma de concha e bebermos somente o estritamente necessário e ficarmos em alerta com relação a qualquer ataque de surpresa do inimigo. As nossas mentes devem estar ocupadas com a batalha que o Senhor nos deu para travarmos, e não com a nossa própria sede, fome, ou desejos. (2 Tm 2:3).
4. Concentre-se Nas Coisas Eternas
Semelhantemente a um elástico que é esticado, as nossas mentes podem considerar as coisas terrenas que são necessárias. Uma vez, no entanto, que estas coisas tenham sido consideradas, da mesma maneira em que o elástico retorna à sua posição normal ao ser liberado da sua tensão, as nossas mentes também deveriam retornar às coisas do Senhor e da eternidade.
Isto é o que significa termos as nossas mentes “fixadas nas coisas de cima, e não nas coisas que são da terra” (Cl. 3:2).
Com muitos crentes, no entanto, o elástico funciona da maneira oposta. As suas mentes são esticadas de vez em quando de forma a refletirem sobre as coisas eternas e, quando liberadas, retornam à sua maneira normal, ocupadas com as coisas deste mundo!
5. Precisamos Ser Diligentes
Paulo exortou a Timóteo, dizendo: “Nenhum soldado da ativa se embaraça com os afazeres da vida cotidiana, a fim de que ele possa agradar àquele que o alistou como soldado” (2 Tm 2:4). Paulo estava dizendo a Timóteo como ele poderia agradar a Cristo como um eficiente soldado no exército de Deus. “Seja diligente para apresentar-se aprovado diante de Deus”, (2 Tm 2:15). Timóteo já havia sido aceito por Deus. Agora ele precisava ser diligente para ganhar a aprovação de Deus.
Paulo havia sido colocado no ministério cristão por Cristo, porque ele havia ganho a aprovação de Deus. Ele disse: :”Agradeço a Cristo Jesus, nosso Senhor, o Qual me fortaleceu porque Ele me considerou fiel, introduzindo-me no ministério” (1 Tm 1:12). Paulo estava entre os chamados, os escolhidos, E FIÉS – e desejava que Timoteo estivesse neste grupo.
Deus nunca Se compromete com ninguém antes de prová-lo.
a) Deus Não Ficou Satisfeito. Dos 600 soldados israelitas (Nm 1:46) que pereceram no deserto por incredulidade, está escrito que “Deus não ficou satisfeito com eles” Deus os tirou do Egito através do sangue do cordeiro (simbólico da nossa redenção através de Cristo). Foram batizados no Mar Vermelho e na nuvem (simbólicos do batismo na água e do batismo no Espírito Santo) (1 Co 10:2). Contudo não ficou contente com eles. Mesmo assim Ele cuidou deles “Nunca se envelheceu o teu vestido sobre ti nem se inchou o teu pé nestes quarenta anos”, (Dt 8:4). Deus também curou todas as enfermidades deles. A Bíblia diz: “Não havia nenhum enfermo ou débil dentre eles” (Sl 105:37).
b) Os milagres não são nenhuma garantia (Mt 7:22,23). A operação de milagres, por si própria, não é nenhuma indicação de que alguém seja aprovado por Deus. Será que compreendemos isto de fato? Caso contrário, seremos enganados.
6. Fiéis Durante As Tentações.
Somos aprovados por Deus não pelo sucesso de nossos ministérios, e sim por nossa fidelidade nas tentações que enfrentamos em nossas vidas diárias.
a) Caráter Santo. As nossas realizações externas talvez impressionem as pessoas mundanas e os crentes carnais. Deus, no entanto, fica mais impressionado com o nosso caráter. É somente o nosso caráter que pode nos trazer a aprovação de Deus. Precisamos avaliar as nossas atitudes com relação ao pecado e nossos padrões de pensamentos.


Conclusão
Anime-se com o fato de que os maiores galardões de Deus e os Seus maiores elogios estão reservados para os que enfrentam as tentações com a mesma atitude de Jesus, que era a seguinte: “Eu preferiria morrer do que cometer um pecado ou desobedecer o Meu Pai num ponto sequer.” Independentemente do nosso dom, ministério, posição social, sexo, ou idade, todos nós temos a mesma oportunidade de sermos vencedores e de estarmos dentre os chamados, escolhidos, e FIÉIS


Pr.Aldecir
Criar um Site Grátis   |   Crear una Página Web Gratis   |   Create a Free Website Denunciar  |  Publicidade  |  Sites Grátis no Comunidades.net